terça-feira, 21 de agosto de 2007

Entrando na Zona do Humbucker!

Este blog está nascendo da minha necessidade de compartilhar com outros guitarristas os quase dez anos de experiência em eletrônica de guitarra. Vou tentar explanar sobre alterações e características de todo a eletrônica da guitarra, mas o que vai predominar aqui é a publicação das características principais de alguns humbuckers disponíveis no mercado aos quais eu tiver acesso – além, é claro, das minhas impressões sobre eles. Escolhi os captadores humbucker justamente pela sua proposta de eliminar o que há de mais nefasto no nosso instrumento: o ruído. Não cabe a mim dizer se um humbucker é bom ou ruim. Não posso fazer isso. Como vocês poderão perceber, alguns humbuckers não serão do meu agrado – considerando o que eu toco ou o meu timbre - mas serão indicados para outras pessoas ou para outras aplicações.

Acho que parte do meu trabalho será o de esclarecer as pessoas interessadas nesses fascinantes geradores de som e eliminar lendas e mal-entendidos. Para tanto, precisamos levar em consideração as zilhões de informações disponíveis, analizar resultados, corrigir desvios, esclarecer mal-entendidos e levar até vocês as informações de maneira mais confiável.

Não vou ocupar o tempo e vocês com explanações sobre o que é uma resistência DC, o que é o imã e quais os seus tipos ou que são as possíveis ligações dos captadores. Sites como o do grande Bill Lawrence têm informações bem legais e detalhadas sobre isso.

Vamos começar por algo bem simples: cada fabricante de captadores fornece em seus catálogos e sites as características de cada captador. Alguns são mais completos, como a Dimarzio e a Seymour Duncan. Outros são um desastre e não fornecem muita coisa além de descrições bem breves, como a EMG. Fabricantes como a Bartolini não fornecem nem fotos e têm sites que parecem ter sido feitos por uma criança. Não quero que isso pareça um xingamento, mas sim uma solicitação por mais informações sobre seus produtos.

Usemos os exemplos mais completos. A Seymour e a Dimarzio têm em comum o fornecimento de dados como resistência DC, fotos do produto, equalização do captador, tipo de imã, ligações possíveis e uma descrição das características do produto. Todas as informações são úteis, mas há duas coisas serem levadas em conta: a Duncan fornece o pico de ressonância (ressonant peak), a Dimarzio fornece a saída em milivots do captador e as diferenças entre as equalizações fornecidas pelas duas empresas.

Comecemos pela questão das equalizações. O modelo Duncan JB, por exemplo, apresenta, segundo o catálogo, 5 de graves, 6 de médios e 8 de agudos. O modelo Dimarzio Tone Zone apresenta 5 de agudos, 8,5 de médios e 8,5 de graves. A impressão imediata é a de que o Tone Zone tem muito grave de nenhum agudo e que soaria apagado se comparado ao JB.

Essa confusão é antiga. Isso acontece pelos referenciais dos fabricantes, que são diferentes. A Duncan fornece a equalização aproximada do captador quando instalado na sua posição indicada – no caso do JB, a ponte. A Dimarzio fornece a equalização “natural” do captador, não dependendo de onde ele é instalado. Lembre-se de que o Tone Zone é um captador indicado para a ponte, portanto vai captar freqüências bem agudas. Sendo assim, considere que a falta de agudos constatada na tabela fornecida vai ser compensada pelo posicionamento do captador. Portanto, o Tone Zone não tem nada de abafado, embora você possa ter certeza de que ele é entupido de médios.

De qualquer maneira, seria bem legal se os fabricantes entrassem num acordo e unificassem os referenciais, não é?

A Seymour fornece o pico de ressonância dos seus produtos. Esse pico indica em qual faixa da freqüência o captador alcança seu maior volume – em que ponto do espectro sonoro ele tem mais volume. Isso é muito importante na compreensão do timbre dos Seymour. Veja o Invader de ponte: ele tem agudos relativamente contidos, mas tem o seu pico de ressonância da faixa dos 5 KHz, o que faz com que ele fale mais alto numa freqüência relativamente alta, ou seja: ele não é um captador de timbre opaco. Captadores de braço têm um pico mais alto ainda -por captarem numa região mais grave das cordas, eles precisam falar mais alto numa faixa mais alta para poderem obter clareza no timbre.

Por fim, algo que eu adoro: a Dimarzio e sua indicação de saída em milivots. Mas antes, lembra do seu carrinho de controle remoto? Ele era movido a pilhas, certo? Ele tinha um motorzinho que transformava a energia elétrica das pilhas em energia mecânica (que tracionava as rodas do carrinho). Portanto, o motor é um transdutor de energia: transforma a energia elétrica em energia mecânica. O captador da guitarra também é um transdutor: transforma energia mecânica das cordas da guiarra em energia elétrica. Ou seja: o captador é um motor ao contrário.

Um inofensivo single coil vintage tem cerca de 90 a 100 milivots (um milivot é a milésima parte de um volt). O brutal Dimarzio X2N tem cerca de 525 milivolts e o clássico Super Distortion tem 425. Portanto, a saída em milivots te dá uma idéia da potência da saída do captador.

Pois bem, conscientes destes pontos, poderemos trocar idéias sobre os captadores, especificamente os de bobina dupla. O espaço está aberto a perguntas e comentários e meu e-mail estará disponível, bem como o telefone da loja na qual desenvolvo minhas atividades. Espero que todos nós tenhamos boas trocas de informações.

Abraço a todos. Matem o hum,

Rafael Gomes

24 comentários:

J.Marcelo disse...

Aew Rafa... Muito massa esse seu blog. Uma poderosa ferramenta de auto-ajuda a todos os guitarreiros fascinados pelo mundo dos captadores humbuckers...Realmente muito interessante... Tô esperando vc comentar mais sobre os clássicos JB e 59. Esses não podem faltar de jeito nenhum!! Té mais Luthier!!!

Rui disse...

muito bom seu blog, gostei das informações detalhadas e sem muito achismo, como acontece em muitos reviews que acompanho e nao servem de nada para mim. Tenho um invader, ja tive muitos outros caps e posso te ajudar nos reviews se quiser, com samples, etc... um grande abraço!

Bruno disse...

Interessante, muito interessante! Quando puder, teste do D-Sonic, Evolution 2, Air Norton, Area 58 e Virtual Vintage Solo. Fui!

Wemerson disse...

e ae rafael..muito bom seus comentarios..mas nao deixe a galera so na expectativa por captadores novos..meu interesse é por um from hell,conheço pouco ele e queria saber mais..abraço.valeu pela atençao..

Richel de Lima disse...

Aê, Rafael! Pior que ficou bem bacana teu blgo mesmo. Pena que eu já li todos os comentários. Mas cara, fica como sugestão de outros hubuckers DiMarzio: PAF (DP 103), os Air Classic e os D-Activator (este deixou a galera super curiosa).

Um abraço.

(-\/(-r┼º|\| we´re just waitin 4 t_HTF Oo disse...

Ae, faltou um texto sobro o Humbucker from hell..

Qnd postar, deixe um comentario no meu blog!
Abraço!

Rodrigo disse...

Olá. Excelente blog, muito bom mesmo.
Gostaria até de pedir que escreva sobre o Seymour Duncan Distortion TB-6 que é o que eu uso. Gostaria de ler sobre ele depois que li seus textos maneros sobre os outros.

Abraços :D

Reginaldo_LUTHIER disse...

e aê cara, estou fazendo um blog de luthieria e, por acaso, encontrei o seu, vi seu conteúdo e achei muito interessante, tem bastante dica, muito bem detalhados sobre humbucker. Acredito que pretenderei utilizar muita coisa que li .
Bom gostaria de pedir permissão para indicar seu blog no meu blog, e, se quiser, visite o meu tbm, ok!
www.reginaldoluthier.blogspot.com
Valeu ,cara pelas dicas!
Até mais!

Gustavo disse...

Parabéns, ta massa seu blogo, quando puder fala sobre o ISCV2 o evoluiton middle!
blz?
flw

Batéra disse...

olá amigo, passa o seu e-mail para eu entrar em contao.

Anônimo disse...

o que eu estava procurando, obrigado

Anônimo disse...

life, limb, and liberty to provide it. What do we take from them? Nothing. Just
------------------------
g5555d4o4o4u4h44vbc44gj4j4

Anônimo disse...

approached him with disturbed countenances became calm; soldiers and
------------------------
sdf6h9t8fg5cfgj5jt55cv55jy

Anônimo disse...

how it happened.

Anônimo disse...

should reign but not command the army, and that the only way out of
buy cialis online

Anônimo disse...

decided to break for lunch from noon until two. That sort of thing didn't happen
actos

Anônimo disse...

hung suspended from a rack beside the bed, a tube coming from each one and then
singulair

Anônimo disse...

Molly and Jim had wanted to put in a flushing toilet for her the year before
zovirax cream

Anônimo disse...

realize vividly his love devotion to the sovereign, Rostov pictured to
metformin

Anônimo disse...

was one of the bad guys. Not a really bad guy; Poke had been the really bad guy.
nizoral

Anônimo disse...

This curious contradiction is not accidental. Not only does it occur
elavil

Anônimo disse...

buy xanax ativan versus xanax dosage - xanax withdrawal symptoms depression

Anônimo disse...

Me and ozzy fucked more difficult, trying to show to my god!
FUCK YES!' ahead of cumming inside my warm pussy. were still fucking

Here is my website :: hcg injections

Anônimo disse...

Greetings! This is my first vіsit to yоur blοg!
Wе are a сollectіon of volunteers and starting а nеw initіative in a communіty in the same niche.
Youг blog proviԁed us beneficial information to ωork on.

You have done a extгаordinary job!

Feel freе to visit my website - purchase hcg - lawfirmarticles.com